SEO e Desenvolvimento Web: saiba otimizar seu texto de blog!

Que o SEO é uma estratégia fundamental para campanhas de marketing, isso você já sabe! Mas você conhece todas as regras para otimizar o seu texto de blog?

Ser lido, na internet, virou um desafio.

Usar o Checklist de SEO para otimizar seu conteúdo na rede é uma das formas de encarar essa missão!

Se, antes, estar na rede era símbolo de visibilidade e democracia no território virtual, atualmente o panorama é um pouco diferente. Com isso, a internet ainda é sinônimo de oportunidade, mas não para todos!

O grande volume de conteúdos e informações depositados diariamente cria um ambiente de disputa, seja em um leilão de anúncios ou no ranqueamento de conteúdos dentro do ecossistema digital.

Lembre-se: uma das missões de toda a rotina de Desenvolvimento Web, se não a principal, é cuidar para uma boa classificação do conteúdo na rede.

Aqui no blog já falamos sobre a importância das palavras-chave e do  SEO na construção de uma estratégia de marketing. Trata-se da união de uma série de práticas que contribuem para o bom ranqueamento do seu site nos principais motores de busca.

Mas você sabe como tornar o seu conteúdo mais legível na internet?

Checklist de SEO: por onde começar?

Às vezes, o tema empolga e escrever parágrafo atrás de parágrafo não é um problema. Mas tenha calma!

Para isso, é preciso se atentar a algumas regras para a produção de conteúdo.

Dependendo da estratégia adotada durante o processo de Desenvolvimento Web, o blog pode ser um ótimo canal de comunicação. Principalmente, por ser único e exclusivo para o seu público alvo.

Em se tratando de um território livre para publicações, é uma boa maneira de estimular o engajamento e reconhecimento a partir de conteúdos relevantes e alinhados com a estratégia da marca.

Abaixo, vamos compartilhar passo a passo o Checklist de SEO para ajudar você a melhorar o ranqueamento do seu conteúdo.

1. Palavra-chave do texto

Uma boa forma de começar a ranquear o conteúdo de um texto de blog é fazer uma boa escolha de palavra chave. O termo deve refletir o principal objeto de análise do texto da forma mais assertiva possível.

Uma vez definida, essa palavra deve estar presente em diversos trechos:

  • Título
  • Subtítulo
  • Primeiro parágrafo
  • Intertítulos
  • Texto → deve ser repetida de 6 a 8 vezes em um texto de 300 caracteres.

2. Título

Elabore um título entre 50 e 60 caracteres, levando em conta o espaçamento, com a presença da palavra chave.

Não se esqueça: esse é o primeiro contato do leitor com o texto. Portanto, escolha por uma chamada que desperte a atenção!

3. Subtítulo

O subtítulo, ou olho do texto, deve detalhar o título minimamente, já que introduz o assunto que será abordado ao longo da postagem.

É ideal que o trecho tenha, no máximo 150 caracteres. Mas lembre-se: sempre mencione a palavra-chave escolhida para reforçar o conteúdo.

4. Parágrafos

Logo no primeiro parágrafo, não se esqueça de mencionar a palavra chave porque isso ajuda a fortalecer o SEO.

Preze por períodos curtos e bem pontuados. Não escreva blocos de textos muito longos. Evite o cansaço!

Uma ideia por parágrafo. Esse é o tal poder de síntese!

5. Intertítulo

Importantíssimo para dar ritmo de leitura ao texto. Afinal, ninguém gosta de ler um manual de texto corrido, né?

Mas não se esqueça de mencionar a palavra chave em pelo menos um dos intertítulos.

6. Call to action

Geralmente, é mencionado no final do texto. Pode ser usado para manter o leitor navegando dentro do portal, a partir de links internos com outros conteúdos do blog.

A estratégia de link building é uma das boas práticas que vão contribuir para o ranqueamento do seu texto.

7. Imagens

Passo importante no Checklist de SEO, assim como os intertítulos, as imagens no corpo do texto também servem para melhorar a legibilidade porque quebram o ritmo de leitura.

Tanto no ato do salvamento, quanto na descrição da legenda, não deixe de mencionar a palavra chave.

O peso da imagem também é de fundamental importância para facilitar o carregamento do conteúdo, porque influencia diretamente na velocidade de processamento da página.

Por isso, comprima os arquivos de imagem ao máximo. Dica: use ferramentas como o Tiny PNG.

8. Meta Descrição

É o breve resumo que aparece abaixo do título nos principais mecanismos de busca da internet.

Deve ser sucinto e aprofundar minimamente o assunto, mencionando a palavra-chave em questão. O uso de um call to action para incentivar o consumo do leitor é recomendado.

9. Slug

Funciona como a etiqueta do conteúdo no link. Deve incluir  a palavra chave e algum outro termo que caracterize o tema tratado. Monte uma URL amigável!

O slug deste texto, por exemplo, seria: /checklist-de-seo-blog, sendo Checklist de SEO a palavra-chave.

Não deixe de ficar por dentro das novidades do blog! Veja também quais as regras que podem ajudar você a produzir conteúdo, de acordo com o livro Don’t make me think, de Steve Krug.

Facebook Comments
  • 1
  • 254

0 Comentários

Leave A Comment

Seu e-mail não será publicado.

Newsletter